segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

A DESCOBERTA DAS PALAVRAS



Depois de uma das vovós ter ouvido Caio falar fó-fó sem mais nenhuma testemunha por perto, agora é pra valer: neste final de semana o bichinho realmente aprendeu a falar vovó!!! Foi tão de repente, que eu e Dani ficamos nos olhando que nem bestas: "ele falou mesmo? você ouviu o que eu ouvi?" Mas ele falou mesmo! Agora, quase sempre que falamos vovó, ele repete: fó-fó! E não é delírio de pais, não, nós temos testemunhas: a avó paterna e, se ela não valer, temos também a Ivonete, nossa querida ajudante aqui de casa. Então, é isso: fó-fó está entre as primeiras palavras do pequeno, e as vovós podem sair por aí se gabando disso.


Mas o fato é que o figurinha tá numa super fase de descoberta das palavras: cada coisa que a gente fala ele fica nos olhando, olhando para nossa boca, parece que tentando entender como aquele som sai da nossa boca daquele jeito. E aí quando a palavra não é muito difícil, ou quando a gente fala bem pausadamente pra ele aprender ("o-lha o pei-xe fi-lho, a-que-le é o pei-xe" e repetimos "pei-xe" umas doze vezes seguidas), ele fica ensaiando sons: pesssss, ishshshi e por aí vai. E a gente vibra: "falou peixe, você viu, falou peixe!!!". Dã.

Então, até o momento as experiências do Caio com as palavras estão assim (e aconteceram mais ou menos nessa ordem):

mã-mã = mamãe (mamá, né...)
pá-pá (ou bá-bá) = papai
áuá = água
au-au = adivinhem!
fó-fó = vovó
pesss (ou ishshshi) = peixe

Agora, nem adianta querer fazer bonito por aí e ficar pedindo pra ele repetir as tais palavras: meu bebê ariano só fala quando quer, que fique bem claro. Então, não tem muito jeito, vocês vão ter que acreditar que isso não é delírio de mãe babona, e torcer pra ele resolver falar quando estiverem por perto...

Imagem: www.gettyimages.com.br

5 comentários - clique aqui para comentar:

João o Astronauta disse...

Sabe o comentário que vc deixou lá no blog ...avança um pouco, regride um pouco... pois é! As vezes também acontece com as palavras, por isso não te estranhe se de repente o Caio já não falar mais "peixe".

Mas que é emocionante... Isso é!

Que bom que vc gostou do texto "ainda mama" e pode linka.lo (claro!) te indiquei, porque como já tinha te falado, me ajudou a desabafar e entender que EU realmente queria continuar amamentando. Agora tenho duvidas de "até quando?"... Mas isso já
é assunto pra um proximo post. risos.

SILVIA ROSA disse...

Não acredito!!! Ahhh mas ele vai ter que falar TITIA!!!! ou Sil, que é mais fácil!! hahahaha! Que lindo, que saudades!!! Mil beijos a vocês!!!!!

Dani disse...

Oi Thais! Meu nome é Daniela e, por indicação do blog da Mari (pequeno guia prático) entrei no seu blog e adorei! Também moro aqui no interioRRRR (sou de Orlândia, perto de Ribeirão) e olha que coincidência: fiz um curso em Ribeirão com as doulas Eleonora e Helena (www.despertardoparto.com.br) e a Jamile deu algumas aulas lá! Legal né?! Bom...esse comentário foi mesmo para me apresentar, pois estou começando nessa nova vida de blogueira e mãe da Nina! Um abraço! ah.....lindo o seu Caio!

Rebeca disse...

Minha mãe também jurava que o João tinha falado vovó e ninguém acreditava. Mas não é que era mesmo? Já vovô ele fala vovô mesmo ou brruuuuuummm que é a moto do meu pai, kkkk.

Quês meninos gostosos...

lsbth disse...

hahahaha...
que lindo... parece que ele vai aprender falar peixe em ingles: fish.. inteligente esse menino. hein??
bjs. Elisabeth