domingo, 14 de dezembro de 2008

ESPECIAL PARA AS VOVÓS


vovós: cliquem sobre a foto!

Hoje é aniversário da minha mãe. Sábado que vem, quem comemora é a minha sogra. Essa postagem é em homenagem a elas: (na verdade, é o presente de vocês, viu, porque a coisa por aqui está preta...) Então, esse presente virtual fica como registro do nosso imenso carinho e amor por vocês, nossas queridas mamães, e vovós do Caio, vocês, que nos ensinaram esse ofício que é hoje nossa razão de ser no mundo: a arte de ser mãe e pai.

Com vocês aprendemos que amor é sentimento incondicional. Que para ter e criar um filho como se deve, é necessário muito amor, mas também um tanto de responsabilidade e coragem, que os dias de hoje não estão fáceis. Que paciência, compreensão e sensibilidade passariam a fazer parte de nosso pacote de emoções cotidianas, assim como uma pitada generosa de disposição e bom humor: viva o sorriso acolhedor de uma avó, e a gargalhada descontraída da outra!!!

Com vocês descobrimos que para fazer florescer nosso filhote devemos nos atentar ao poder da palavra certa no momento certo, seja para acarinhar, seja para aconselhar, seja para ajudar a seguir no prumo (chegamos a sentir saudades daquelas broncas enérgicas, mas sempre envoltas em carinho, que só vocês sabiam dar...).

Vocês nos ensinaram que é preciso olhar o mundo com olhos de encantamento, de descoberta, de prazer: ensinar a olhar, coisa mais bonita que aprendemos com vocês! Vocês nos ajudam, a cada dia, a despertar o olhar de Caio para o mundo, para a natureza, para o belo, para a curiosidade, para a alegria, para o amor, para a amizade, para a poesia, para os mistérios... Vocês proporcionaram a nós, e hoje proporcionam a Caio, experiências que o colocam em contato com o bom da vida, com o espantoso do mundo, com a importância de conviver e compartilhar... Como diria Rubem Alves (expressando tão bem em palavras o que vocês nos mostraram com gestos e experiências):

“Educar é mostrar a vida a quem ainda não a viu. O educador diz: Veja! E ao falar aponta. A criança olha na direção apontada, e vê o que nunca viu. Seu mundo se expande, ela fica mais rica interiormente. E ficando mais rica interiormente, ela pode sentir mais alegria e dar mais alegria – que é a razão pela qual vivemos.”

Com vocês aprendemos tudo isso e muito mais. A vocês devemos nosso desejo realizado de gerar uma vida, de criar um serzinho para o mundo, de construir uma família (ainda que nos nossos moldes, nem sempre aprovados por vocês, né!!). A vocês agradecemos, do fundo de nossa alma, por terem nos tornado mais ricos interiormente, por terem nos possibilitado sentir e dar mais alegria, e, principalmente, por podermos fazer tudo isso e muito mais por Caio...

PARABÉNS, QUERIDAS, NÓS AMAMOS MUITO VOCÊS!!!





3 comentários - clique aqui para comentar:

tia zu disse...

Que belo chão vocês estão sedimentando...é por ele que crianças caminham...é por ele que andam os adultos felizes.Beijos TIA ZU

Anônimo disse...

Estou terminando meu dia - feliz - de aniversário em lágrimas...de emoção, de amor, de plenitude, de gratidão. Se a nossa vivência materna deixou para vocês tais e tantos "ensinamentos" e se o Caio é o depositário e o beneficiário deles, então esse é muito mais que um presente de aniversário;é a dádiva sulime que faz de mim e da Marli (tenho certeza disso) as vovós mais felizes e realizadas do planeta. Até porque nosso Caio já mostra seu belo sorriso acolhedor e já ensaia sonoras gargalhadas descontraídas...

Minês disse...

Desculpem, cliquei errado! O anônimo sou eu, blogueira de primeira viagem.