segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

ESCATOLOGIAS MATERNAS (pero sin perder la ternura)


Nuno começou a comer frutinhas há uns quinze dias e seu cocô mudou totalmente. Ok, isso não é novidade pra ninguém, muito menos pra mães de segunda viagem como eu. O fato é que, quando fui trocar a primeira fralda com cocô pós-frutinhas, uma coisa louca aconteceu... o cheiro daquele cocô me despertou memórias tão intensas dos primeiros meses do Caio, daquela sensação de ser mãe de primeira, aprendendo tudo... chegou a doer o peito de saudade! E em seguida comecei a rir, pensando no misto entre poética e patética que era aquela situação, aquele sentimento. Proust reviraria no túmulo, mas o cocô do Nuno foi uma espécie de madeleine para mim. Será que doideira de mãe tem limite? 


****************


Caio, outro dia, tomando banho dentro da piscininha. Eu do lado de fora do box. De repente escuto um "hehe"  numa entonação de surpresa, seguido de um "epa". Curiosa, pergunto o que foi. E ele responde, totalmente surpreso e feliz:

- "Mamãe, fiz um pum na água e saiu umas bolhinhas!" 

- "Você nunca tinha feito isso filho?"

- "Não. É legal, né?"

Pois é, nada como um filho pra fazer a gente se lembrar que tudo - TUDO - nessa vida tem uma primeira vez, é aprendizado. Até "peidar n'água pra fazer borbolha", como os desaforados de antigamente diziam.

11 comentários - clique aqui para comentar:

Ana Campos disse...

Cheirar cocô e analisar a amostra, isso os técnicos de laboratório fazem...mas cheirar cocô e sentir saudade de algo importante, ah, disso eles não são capazes..rsrs...coisas que só as mães são capazes de fazer e entender...

bjs

Paloma, a mãe disse...

Ahahaha, mais doideiras de mãe, com certeza! Só não vai contar isso num almoço, hehe!
Beijos

Anne disse...

hahaha
quando na vida eu leria um post que fala de cocô, peido, proust e madeleines?
genial!
ainda bem que vc já tem uma tag delírios de mãe!!!
bjo

Roberta Lippi disse...

Hahahaha, só você mesmo pra misturar Proust e madeleines com cocô e pum na banheira!!!
Tudo doida, essas mães!! hehe
Beijos

Nine disse...

hahaha, nós mães somos insanas mesmo!
Adorei a reação dele aos puns n´água, e realmente é muito legal...minha fase gravídica associada a férias imersa na piscina me fizeram relembrar como é engraçado tal acontecimento (seguido de um olhar rápido em volta para ver se alguém notara a minha proeza!).
Beijos,
Nine

Ivana - coisademae disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk eu morro de rir e ao mesmo tempo SUPER me identifico com esses posts viajantes!

adorei!
bjos!

Fran disse...

Olá Thaís!
Estava pesquisando algo sobre livros infantis e encontrei seu blog. Tenho uma menina que recém fez 3 meses e sabe que criei um blog a quase um mês atras por que como você a maternidade despertou um lado meu que nem eu conhecia! Dai decidi compartilhar minha experiência com outras pessoas, além de deixar um registro pra minha baby quando crescer! Vou acompanhar o seu blog, para trocarmos figurinhas! Abraço da Fran
www.mamidavalentina.blogspot.com

Juliana Reis disse...

Oi Thaís! Ri com esse seu post... tem coisas que só sendo mãe pra entender. Tenho um blog com pouco mais de 2 meses estou incrementando agora. Estava pesquisando alguns blogs pra incluir na minha lista e amei o seu. Parabéns! Beijo

Ananda Etges disse...

Adorei o post, Thaís!

Beijos, Ananda

http://projetodemae.wordpress.com

Gabriela disse...

Hahaha! O mundo da maternidade é mesmo delirante!
Post genial!

pathy disse...

hahahahah essas crianças conseguem ser fofinhas até quando soltam pum